destaque-b2b-ebinterchange

Mercado B2B: Como se destacar?

O mercado B2B digital está em constante crescimento. Segundo uma pesquisa realizada pela Forrester Research, o e-commerce entre empresas tem o potencial de se desenvolver duas vezes mais do que o B2C. A empresa estima que em até 2021 este mercado consiga faturar cerca de US$ 1.2 tri.
O Brasil encontra uma grande oportunidade de crescimento, mesmo que gradativamente. Muitas empresas já estão se conscientizando e aderindo o meio digital para favorecer suas transações. As vendas B2B podem ser extremamente recompensadoras e lucrativas aos fornecedores, portanto, é importante saber como fazer.

Destaque os recursos e diferenciais

Muitos fornecedores se preocupam em demonstrar os resultados e benefícios de seus produtos e serviços, porém se esquecem de evidenciar as características e os diferenciais. Se tratando do meio virtual, quanto mais detalhada for a informação, mais fácil será para o comprador escolher sua empresa. É importante demonstrar que sua oferta está preparada tecnicamente para ajudá-lo a alcançar seu objetivo e deixar claro as principais qualidades do produto para que a decisão seja mais rápida e assertiva.

Seja presente

Um dos pontos mais importantes para ganhar relevância em um marketplace está relacionado ao nível de resposta do fornecedor ao receber cotações. No Mercado B2B é fundamental interagir e manter uma relação próxima com os compradores: faça comentários, tire dúvidas e responda mensagens. Responda todas as oportunidades recebidas e, no caso de não conseguir atender, recuse a cotação. Dessa forma, o comprador saberá que sua empresa não poderá fornecer aquele determinado item. Além disso, ofereça o mesmo atendimento a todos os clientes, independentemente do porte que atuam.

Deixe claro sua proposta de valor

Um produto bem descrito é encontrado com facilidade e as chances de conversões aumentam significativamente. No momento de cadastrar sua oferta em um portal B2B, insira o máximo de informações sobre o produto. Dê atenção às especificações técnicas e às imagens, a fim de facilitar a busca pelo comprador. Do mesmo modo, defina as categorias adequadas para o produto ser encontrado sem dificuldades. É importante evitar volume sem qualidade, já que em um marketplace B2B os compradores estão buscando segurança e confiança.

Oferte o melhor preço com a melhor qualidade

Preços muito abaixo dos praticados pelo mercado podem gerar incertezas ou má impressão sobre sua empresa. Os compradores sempre analisam o contexto geral. Portanto, atente-se à qualidade do produto, e não apenas ao preço, e estude o mercado para entregar o melhor produto com o preço mais atraente. É uma boa prática trabalhar com tabelas progressivas de redução de preço, conforme o aumento da quantidade solicitada.

Preocupe-se com a reputação

Um atendimento personalizado é diferencial competitivo e ajuda a fidelizar o cliente. Preocupe-se em então ter uma boa avaliação junto aos compradores. Para isso, é importante uma entrega de qualidade dentro do prazo acordado, atendendo às exigências de seus clientes. Lembre-se de fazer uma gestão pós-venda e buscar homologações cadastrais para gerar mais credibilidade na comunidade.

Integração de sistemas

Integrar sistemas permite ao fornecedor atender de forma mais ágil, eficiente e segura os clientes. Integrar o ERP da empresa à plataformas de e-commerce b2b proporciona agilidade e qualidade pois diversos processos se tornam automáticos, portanto, sem a necessidade da intervenção manual. Essa agilidade é fundamental para empresas que visam a excelência em seus a serviços.

A EBInterchange tem mais de 15 anos de experiência em integração de sistemas, já tendo realizado projetos para diversas empresas do Brasil e América Latina.

Entre em contato com a EBInterchange e conheça as soluções para integrações de sistemas no mercado b2b capazes de trazer eficiência e solidez ao seu negócio.

WMS-ERP-EBInterchage

WMS e ERP, a importância da integração

Cada dia aumenta mais o uso de ERP e WMS na logística. Essas soluções tecnológicas usadas de maneira integrada certamente geram diversas vantagens de gestão que potencializam resultados.

O que é ERP?

Um sistema de ERP (Enterprise Resource Planning) destina-se ao gerenciamento integrado dos processos e operações da empresa.
Os aplicativos de ERP são populares por sua capacidade de reunir pessoas, know-how, componentes de software e hardware e então disponibilizá-los para toda a organização assim como por sua contribuição no alcance de objetivos específicos e gerais da empresa.
Um sistema ERP também se caracteriza por ser composto por módulos projetados para diversas áreas funcionais específicas. Ele inclui vendas, compras, manufatura, finanças, contabilidade assim como diversas outras áreas, com a diferença de que eles estão totalmente integrados e acessam um banco de dados compartilhado.

As empresas que implementam soluções de ERP portanto o fazem para obter:
    • gerenciamento integrado de todos os componentes do negócio, através do acesso a um banco de dados comum;
    • um modo de trabalho online, que facilita a comunicação entre pessoas, departamentos e locais;
    • automação e padronização de processos operacionais, eliminação de operações manuais que levam ao aumento da produtividade;
    • melhoria do processo de aquisição, com a possibilidade de ajustar a compra de acordo com o tamanho da venda;
    • aumentar a qualidade do atendimento ao cliente através da transparência das informações sobre os produtos, estoques, preços;
    • diminuição o tempo de entrega de pedidos devido à transferência mais rápida de informações entre os departamentos;
    • melhorias contínuas no fluxo de caixa através da implementação de políticas comerciais coerentes.

O que é WMS?

Um sistema de WMS (Warehouse Management System) é um componente da cadeia de suprimentos. Sua função portanto é controlar o movimento de mercadorias dentro do depósito.
As soluções WMS automatizam e ao mesmo tempo otimizam as atividades de recebimento, armazenamento, coleta e envio de mercadorias. Assim ele fornece permanentemente informações em tempo real sobre os estoques e o status do espaço de armazém.

Nesse sentido, um bom WMS é capaz de cobrir as atividades de embalagem, estoque ou reabastecimento.
Em linhas gerais, as empresas implementam soluções de WMS em suas estratégias de logísticas por conta desses benefícios:

    • ajuda a otimizar o inventário;
    • aumenta a precisão do processo de picking;
    • facilita os processos de estoque;
    • permite a rastreabilidade de lotes;
    • reduz significativamente o tempo dedicado ao manuseio de mercadorias;
    • oferece informações em tempo real com relação ao estoque de mercadorias;
    • contribui para aumentar a produtividade dos funcionários;
    • novas contratações se integram mais rapidamente;
    • elimina o risco envolvido pela rotatividade de pessoal;
    • fornece maior visibilidade sobre todas as atividades no armazém.

Qual a importância da integração de ERP e WMS na logística?

Integrar ERP e WMS na logística é uma excelente escolha, pois atuando de maneira conjunta essas duas soluções oferecem uma série de benefícios de gestão. Confira, a seguir, um detalhamento das principais vantagens.

Clareza nas operações da cadeia de suprimentos

Quando se trata de distribuição, a clareza e a percepção da cadeia de suprimentos e dos canais de distribuição estão certamente ligadas ao seu sucesso. Muitos distribuidores atacadistas têm conflito direto com a clareza da cadeia de suprimentos, afetando a margem de lucro.
Assim, com ERP e WMS integrados, é possível automatizar processos, melhorarando a visibilidade das operações e redes de distribuição.