aumento-vendas-black-friday

Varejo na Black Friday online fatura R$ 3,2 bi

O varejo brasileiro online faturou R$ 3,2 bilhões na Black Friday de 2019, aponta levantamento da Ebit|Nielsen. O dado é referente à receita registrada na quinta-feira (28), e na sexta-feira (29). O montante representa alta de 23,6% em relação à edição de 2018, quando as vendas somaram R$ 2,6 bilhões. O gasto médio por consumidor, no entanto, caiu de R$ 608 para R$ 602, queda de 1,1%.
Os números comprovam que de fato o evento já faz parte do calendário de compras do brasileiro, com crescimento ano a ano. As lojas mais tradicionais igualmente se mostraram mais preparados para o período promocional, compreendendo o que o mercado queria.

Além disso, as vendas confirmam a tendência de o consumidor adquirir a partir de dispositivos móveis. Foi identificado que 55% dos pedidos foram feitos a partir de celulares. Na comparação com 2018 portanto, a alta foi de 103%.
O faturamento via mobile neste expandiu 95%, chegando assim a R$ 1,7 bilhão, contra R$ 830 milhões do ano passado. O tíquete médio por esse meio foi de R$ 574, frente aos R$ 552 do ano anterior, alta de 4%.
Essa Black Friday se consolidou como o evento onde mais compras foram feitas através de celulares. Assim, garantir uma boa experiência mobile foi o diferencial para bons resultados.

Novos consumidores online

A Black Friday 2019 levaram 418 mil brasileiros a comprar pela primeira vez via internet. Isso representa uma alta de 12% em relação a 2018. A base total de compradores online neste ano foi de 2,85 milhões, uma expansão de 18,1% com relação a 2018.
Entre os motivadores para a adesão ao varejo online destaca-se o Instagram, que ultrapassou o Facebook e se tornou a mídia que mais motiva as compras.

Black Friday prolongada

Entretanto as promoções não se encerraram na sexta-feira. Muitos varejistas prolongam as promoções ao longo de sábado e domingo.
De acordo com o levantamento, houve faturamento de R$ 1,15 bilhão na soma de sábado e domingo. O crescimento é de 21% na comparação com 2018, quando o total em vendas foi de R$ 949 milhões.

Já o volume de pedidos chegou a 2,43 milhões, versus 1,87 milhão em 2018, variação de 30%. O tíquete médio teve queda de 7% frente a 2018 (R$ 507), ficando em R$ 471.
O brasileiro continuou adquirindo ao longo deste fim de semana, mas pela análise do tíquete médio, verificamos que foram itens de menor valor agregado. O final de semana foi usado para terminar as compras da Black Friday em si, quando as escolhas se concentraram mais em produtos de maior valor.

Varejo na Black Friday mobile em ritmo forte

No fim de semana, as compras por dispositivos móveis chegaram a R$ 668 milhões, alta de 67% com relação a 2018.
Verificou-se ainda uma expansão de 81% no volume de pedidos durante o sábado e o domingo de 2019 (1,5 milhão), enquanto no ano anterior o total foi de 832 mil pedidos. Na comparação com 2018, o tíquete médio para as compras por esse meio tiveram queda de 8%: R$ 444 (2019) e R$ 482 (2018).

Integração fundamental

Para que seja possível a administração de volumes de vendas tão grandes quanto os apresentados na Black Friday, é fundamental que o ERP e os canais de venda da empresa estejam integrados. Assim, o fluxo de processos ocorre de forma automática. Isso traz agilidade, eficiência e segurança ao processo de venda.

Confira as soluções em integrações da EBInterchange. Entre em contato conosco e saiba mais sobre integrações de sistemas.

fonte: https://www.ecommercebrasil.com.br/noticias/varejo-online-fatura-black-friday/

EBI-INTEGRACAO-ERP-BLACKFRIDAY

Integração do ERP e sua importância na Black Friday

A Integração entre Plataforma de e-commerce e ERP é fundamental para quem deseja aumentar as vendas em sazonalidades. Esse é o caso, como por exemplo, da Black Friday.

A rotina do e-commerce envolve o cadastro de produtos, a organização de estoque, a emissão de notas fiscais e o envio de mercadorias — assim como outras tarefas. No começo, pode ser fácil realizá-las manualmente.

Essa percepção muda à medida que a loja on-line cresce, dificultando a realização de tarefas manuais. Mas uma ferramenta de gestão pode ajudá-lo o ERP (Enterprise Resource Planning), ou sistema integrado de gestão empresarial.

O ERP é um sistema que integra vários setores de um negócio em uma única plataforma. Em comércio eletrônico, significa juntar áreas de cadastro, estoque, vendas, marketing assim como outras, no mesmo ambiente.

A integração com ERP é um passo fundamental para a loja virtual que deseja se preparar para a Black Friday.

Aumenta a agilidade na análise e monitoramento de KPIs

Os KPIs (Key Performance Indicators), ou indicadores de desempenho, medem o sucesso de seu e-commerce de modo geral ou focado em um determinado processo. Eles viabilizam a realização dos objetivos do negócio.

A integração com ERP possibilita a geração, a análise e o acompanhamento dos dados que orientam a definição de ações. Alguns exemplos de indicadores:

  • Traffic Sources: identifica de onde os usuários estão vindo.
  • Impressões: número de vezes que determinado anúncio é exibido.
  • Click Throughts: quantidade de cliques em um link.
  • Sessões: número de visitas em uma página.
  • Opt-Out: total de usuários que se descadastraram.
  • CPC: custo por clique.

Ao monitorar esses e outros indicadores antes da Black Friday, você maximiza o potencial de suas ações para melhorar a performance durante as vendas desse período.

Garante a precisão sobre os processos e atividades gerenciais

Como a integração com ERP agrupa informações de diferentes setores e etapas do processo gerencial e administrativo do seu e-commerce, permite que os dados transitem sem interrupções.

Essa é uma das maneiras mais eficazes de você identificar e eliminar barreiras, agilizando todas as ações que são feitas. No contexto da Black Friday, trata-se de um ponto fundamental para o seu sucesso nas vendas.

Relatórios de vendas que refletem a realidade permitem, por exemplo, que você identifique os produtos que têm a maior demanda. Dessa forma é possível preparar o estoque para o aumento significativo que ocorre na Black Friday.

Melhora o cadastro de produtos na loja on-line

A utilização de um bom sistema de ERP possibilita a integração SKU (Stock Keeping Unit), ou unidade de manutenção de estoque. Desse modo, você forma um cadastro com o máximo de informações sobre cada item vendido na loja on-line.

Fica mais fácil para que as diferentes áreas do seu negócio tenham acesso ao cadastro completo dos itens. Enquanto a equipe de compras determina a quantidade certa a ser adquirida, por exemplo, marketing e vendas traçam as estratégias para a Black Friday.

Facilita o cumprimento de obrigações fiscais

Outra vantagem da integração com ERP é a facilidade no cumprimento de obrigações fiscais. Sabemos que a legislação brasileira exige um alto nível de acompanhamento para que sejam evitados problemas com os órgãos públicos e consequentes multas.

A emissão e a entrega de documentos obrigatórios podem ser automatizadas por meio de um ERP. São eles: